Tromboflebite - Causas, Sintomas e Tratamento

Médico de Veia

Telemedicina Barão Vascular

Consulta online via Telemedicina. Praticidade e comodidade para quem está fora da cidade de São Paulo.
Excelência no cuidado sem sair de casa.
Tranquilidade para você e sua família.

Flebite ou Tromboflebite

É uma doença comum, estando associada a diversas condições de saúde. Historicamente considerada uma doença benigna, devido a sua localização superficial, o tratamento foi conservador durante muito tempo. Entretanto, o levantamento recente de altas taxas de evolução para trombose e embolia alertaram para a necessidade de abordagens diagnósticas e terapêuticas mais agressivas, visando evitar possíveis complicações.

Tratamento Para Tromboflebite

O que é Tromboflebite

A tromboflebite (ou apenas flebite) é uma condição bastante comum em que a trombose (coagulação do sangue) ocorre em uma veia superficial provocando uma reação inflamatória da parede venosa e dos tecidos vizinhos em grau variado. Ou seja, é uma trombose venosa superficial.

Como não há acometimento do sistema venoso profundo, como na trombose venosa profunda (TVP), é um quadro de evolução muito mais favorável e com menos chances de complicações graves. O diagnóstico correto e precoce, bem como o tratamento adequado, são importantes para impedir a evolução do quadro para uma TVP.

Diferença da Flebite e da Trombose Venosa Profunda

Principais causas da Tromboflebite

Há dois fatores de risco para a tromboflebite que não podem ser esquecidos: varizes e acesso venoso para infundir soro ou medicamentos. No caso das varizes, como a veia superficial encontra-se dilatada e tortuosa, o sangue progride pela veia de uma maneira mais lenta; essa estase sanguínea, acaba por predispor à coagulação do sangue, levando a um quadro de tromboflebite da veia varicosa, quadro esse também chamado de varicotromboflebite.

Flebite em uma Veia Vericosa Tromboflebite

Em relação aos acessos venosos, a própria punção já representa uma agressão ao vaso, o que pode, por si só, desencadear o processo da tromboflebite. Além disso, o medicamento infundido é capaz de lesar a parede da veia, desencadeando o mesmo processo.

Fatores de Risco da Tromboflebite

Alguns outros fatores de risco são os mesmos para os dois tipos de trombose, tanto superficial (tromboflebite) quanto profunda (TVP): idade, obesidade, gestação, puerpério, pós-operatório, tabagismo, contraceptivo oral, terapia de reposição hormonal, infecção, imobilização, neoplasias (câncer), viagem aérea, trombofilias (doenças genéticas que predispõem à formação de trombos na circulação) e até alguns tipos de vasculites.

Quais são os principais sintomas da Tromboflebite

Os sintomas são: dor, vermelhidão e aumento de temperatura no trajeto da veia acometida. Em alguns casos, pode-se sentir um cordão endurecido na região acometida (que é a própria veia com trombo no seu interior, que fica palpável).

Flebite ou Tromboflebite

Qualquer um que apresentar esses sintomas deve procurar e consultar um médico imediatamente, visto que uma tromboflebite pode progredir para o sistema venoso profundo e causar uma trombose venosa profunda, quadro esse com complicações agudas e tardias muito mais graves.

Como diagnósticar a Tromboflebite?

O diagnóstico é basicamente clínico, ou seja, pela história e exame físico do paciente. Porém, é sempre recomendado a realização de um ultrassom Doppler colorido do membro afetado, para confirmar o diagnóstico, avaliar a extensão da doença e excluir o acometimento do sistema venoso profundo concomitante.

Diagnostico da Tromboflebite

Quais são as principais complicações da Tromboflebite?

O trombo pode progredir para o sistema venoso profundo, causando a trombose venosa profunda, que por sua vez pode cursar com o tromboembolismo pulmonar, quadro grave e, às vezes, fatal. Porém, a maior parte dos casos de tromboflebite tem evolução favorável e não evolui para complicações.

Como funciona o tratamento para Tromboflebite?

O tratamento depende da causa, da extensão da tromboflebite e da veia acometida. Nos casos não complicados, orientamos apenas compressa morna, anti-inflamatórios e analgésicos; nos casos de sintomatologia mais exuberante, podem ser usados anticoagulantes.

Quando há uma proximidade importante com o sistema venoso profundo ou quando já se observa acometimento do mesmo, os anticoagulantes são mandatórios. Quando as veias varicosas foram a causa da tromboflebite (varicotromboflebite), fica claro o benefício do tratamento das varizes para diminuir o risco de um novo episódio. Quando a flebite é secundária a uma infecção, é necessário o uso de antibióticos.

Importante saber que a maioria dos casos tem evolução favorável, com remissão dos sintomas em 1-3 semanas de tratamento. A veia pode continuar palpável por semanas a meses, contudo, apesar de sentir o “cordão endurecido” no trajeto da veia, não há mais dor ao palpá-la.

Entre em contato com o Instituto Barão Vascular e agende sua consulta.

Convênios

Consulte aqui a lista dos planos de saúde atendidos no Instituto Barão. Em caso de dúvida sobre a cobertura do plano, informe-se no: 11 4800-3030 ou 11 95937-4639

Teste online

Dor, pernas pesadas ou cansadas são sintomas que podem significar o início da Doença Venosa. Preencha o “check-up venoso” e verifique se sofre dessa doença.

Agendamento
Doctoralia

Agende sua consulta online
Os convênios atendidos podem variar de acordo com cada profissional.

whatsapp
Unidade Pompéia
Unidade Paulista
Unidade Itaim Bibi
Unidade Tatuapé
Unidade Morumbi